Vídeo: Encontrando a Soma dos Raios de Dois Círculos que se Tocam Externamente

Encontre o comprimento de 𝑀𝑁.

01:58

Transcrição do vídeo

Encontre o comprimento de 𝑀𝑁.

A partir do diagrama, podemos ver que temos dois círculos de tamanhos diferentes e seus centros são os pontos 𝑀 e 𝑁. Os dois círculos tocam em um ponto, que eu escolhi para rotular como o ponto 𝐶. Fomos solicitados a encontrar o comprimento do segmento de reta 𝑀𝑁, que é o segmento de reta que conecta os centros dos dois círculos e passa pelo ponto em que eles se tocam.

Para encontrar o comprimento de 𝑀𝑁, podemos encontrar o comprimento de 𝑀𝐶 e o comprimento de 𝑁𝐶 e somá-los. Vamos pensar no círculo menor, primeiro de tudo. O segmento de reta 𝑀𝐶 é o raio do círculo menor, pois seus pontos de extremidade são o centro do círculo e um ponto no próprio círculo.

Podemos ver que também recebemos outro raio do círculo — o segmento de reta 𝑀𝐴. Como todos os raios do círculo são do mesmo comprimento, podemos concluir que 𝑀𝐶 é igual a 𝑀𝐴, que é de sete centímetros. Agora, vamos pensar no círculo maior. O segmento de reta 𝑁𝐶 é um raio desse círculo, pois seus pontos de extremidade são o centro do círculo e um ponto no próprio círculo.

Novamente, recebemos outro raio do círculo — o segmento de reta 𝑁𝐵. Como todos os raios deste círculo são do mesmo comprimento, podemos concluir que 𝑁𝐶 é igual a 𝑁𝐵, que é de 10 centímetros. Portanto, temos que o comprimento de 𝑀𝑁 é 𝑀𝐶 mais 𝑁𝐶, que é sete mais 10. O comprimento de 𝑀𝑁 é de 17 centímetros.

A Nagwa usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site. Saiba mais sobre nossa Política de privacidade.